Rosa de Hiroshima ~ Identidade 85 ::

quinta-feira, julho 12, 2007

Rosa de Hiroshima

Uma das imagens mais reproduzidas da 
Segunda Guerra Mundial. 

"Você sempre vai matar pessoas inocentes ao mesmo tempo". Foi com essa frase que Paul Tibets justificou a morte de 256,300 pessoas - a maioria (cerca de 90%) civis, no dia 6 de agosto de 1945, na cidade de Hiroshima. A bomba atômica lançada sobre a cidade destruiu tudo em um raio de até 2 km de distância, devastando toda a vegetação e infra-estrutura da cidade. Não podemos por a culpa no piloto do avião ou em pessoas isoladas, mas fica a nossa eterna dúvida: o porque da cidade de Hiroshima e depois, em 9 de agosto do mesmo ano, Nagasaki, serem alvos de uma bomba atômica, tendo em vista que muitos afirmam que a Segunda Grande Guerra já havia sido decidida tempos antes?

As respostas para estas perguntas podem ser multiplas, mas, dentre as principais destaca-se a idéia de Hiroshima (e Nagasaki) ser um ponto cuja a geografia favorecia o teste da então mais nova arma de guerra - a cidade situava-se em vales. Há também a justificativa de que Hiroshima e Nagasaki ainda não haviam sido atacadas nenhuma vez durante a Guerra; não devemos nos esquecer, também, que o Japão havia atacado Pearl Harbor, daí pode-se se tirar um ódio particular por parte dos americanos, o que não justifica, é claro, a morte de milhares de pessoas.

Com o intuito de refletir questões concernentes a esses ataques, seus motivos e suas consequências, é que podemos em nossas aulas lançar mão da música Rosa de Hiroshima composta pelo poeta Vinícius de Moraes e interpretada, em 1973, pela banda Secos e Molhados - cujo vocal ficou por conta de Ney Matogrosso.

1 comentários:

  1. Eu queria aqui postar um comentário que fosse digno a todas as pessoas vítimas da "Rosa de Hiroshima", mas eu ainda não me sinto digna a isso, pois não consigo falar de uma situação sendo que eu não entendo os motivos que levaram a tal.A morte de pessoas pela guerra pra mim, não pode ter nenhum tipo de explicação!Quem sabe se os protagonistas fossem uma das vítimas dessa tragédia eu consegueria me expressar!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Digite e tecle Enter para buscar!